Fazenda Campos Novos recebe obras emergenciais. Com obras concluídas, IPHAN libera verbas para o projeto executivo de restauro. Depois disso, Prefeitura de Cabo Frio iniciará a restauração do prédio histórico


Exibindo 28.03 - Casarão da Fazenda Campos Novos..JPG

Um dos pontos históricos e turísticos de Cabo Frio, a sede da Fazenda Campos Novos, que fica às margens da RJ-106 (Rodovia Amaral Peixoto), no distrito de Tamoios, passou recentemente por obras emergenciais no chamado "Casarão". 
As obras foram autorizadas e supervisionadas pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN), que já deu início ao estudo do projeto executivo de restauro do prédio.



A secretaria municipal de Agricultura, que tem sede na Fazenda Campos Novos, é aresponsável pelo desenvolvimento dos projetos no local. O titular da pasta, José Faustino Junior, celebrou o avanço no planejamento da restauração completa do casarão da Fazenda.

- Nesse primeiro momento, foram gastos R$ 140 mil nas obras emergenciais realizadas no Casarão, vindos de uma verba liberada pelo IPHAN. Com essas obras concluídas, demos inicio a preparação do projeto executivo de restauro, que é imprescindível para o inicio da restauração completa - comentou Faustino Junior. 

O projeto executivo de restauro também ficou orçado em R$ 140 mil, que serão pagos pelo IPHAN a uma empresa especializada em restaurações. Segundo o historiador Jonatas Carvalho, que trabalha atendendo aos visitantes que buscam conhecer, além do prédio, a parte histórica da Fazenda, o prazo previsto para a conclusão do projeto de restauro é de cerca de 40 dias.

- Com a conclusão do projeto executivo de restauro teremos a certeza de quanto será necessário para a realização da restauração completa deste prédio histórico. Acreditamos que será a reforma completa será orçada entre R$ 6 milhões e R$ 8 milhões – comentou Jonatas.

A partir da conclusão do projeto, a obra de restauração completa do prédio será realizada através de uma parceria entre a Prefeitura de Cabo Frio, o IPHAN e outras instituições.

A Fazenda Campos Novos foi desapropriada em 1993 e teve o seu processo de tombamento iniciado em 2002 pelo IPHAN. O tombamento foi concluído em 2009. Mesmo sem a restauração completa do casarão, diversas escolas de todo o estado do Rio de Janeiro promovem frequentes excursões onde os professores trazem os alunos, para conhecerem a riqueza histórica da Fazenda.

No local, os visitantes são recepcionados pelo historiador Jonatas Carvalho, que atende de segunda a quarta-feira, das 8h às 17h. A partir do mês de abril, a produtora cultural Carolina Akool estará a disposição para atender ao público, diariamente, das 9h às 13h. A visitação é gratuita.

Outra ação de extrema importância para todo o município de Cabo Frio, será a implantação do Espaço Darwin na Fazenda Campos Novos. O projeto tem como objetivo realizar pesquisas no local, e será implantado, em breve, através do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq).

Texto e fotos: Katyuscia Chaparral | Assessoria de Imprensa da Subprefeitura de Tamoios
0