Frase do dia

“O amor é tudo”
(Jesus Cristo)







quarta-feira, 16 de abril de 2014

MP cumpre mandados de busca e apreensão em Silva Jardim. Quatros pessoas são acusadas de fraudar processos licitatórios. Jornal com sede em Cabo Frio está envolvido na fraude.

Do G1 Região dos Lagos
O Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado do Ministério Público Estadual cumpriu mandados de busca e apreensão de documentos e computadores na Prefeitura de Silva Jardim, Região dos Lagos do Rio. A ação começou na manhã de ontem (15). A suspeita é de que quatro pessoas, entre elas Ricardo Machado Mariath, subsecretário de Comunicação, e a esposa dele, teriam fraudado processos licitatórios.
As investigações começaram em agosto do ano passado, depois que moradores de Silva Jardim denunciaram ao Ministério Público Estadual a não publicação dos editais de licitação do município. Os promotores descobriram que o então subsecretário municipal de comunicação, Ricardo Machado Mariath, abriu o seu próprio jornal, a "Tribuna Carioca", para publicar os atos oficiais do município. Ele teria fraudado a contratação da própria empresa.
O jornal não tinha circulação e tinha como sede um escritório em Cabo Frio. Ricardo Mariath também é dono do jornal Nova Imprensa, no Centro de Nova Friburgo, mas, segundo o Ministério Público, o veículo não tem relação com o caso. O MP pediu o afastamento dele à Justiça.
O G1 entrou em contato com a prefeitura, mas até a publicação desta reportagem não obteve resposta. Várias ligações foram feitas para os números particulares de Ricardo Machado Mariath, mas todas as ligações foram encaminhadas para a caixa postal.
Postar um comentário