Polícia prende homem suspeito de estuprar a própria irmã em Arraial do Cabo

Hoje com 17 anos, jovem sofria a violência desde os 8 anos de idade.
Mesmo sendo ameaçada de morte, mãe do suspeito o denunciou à polícia.
Heitor MoreiraDo G1 Região dos Lagos
A assessoria da Polícia Civil do Rio de Janeiro divulgou, ontem (9), a prisão de um homem suspeito de estuprar a própria irmã e ameaçar a mãe de morte em Arraial do Cabo, na Região dos Lagos do Rio de Janeiro. Segundo a assessoria da Polícia Civil, que não divulgou a identidade do suspeito, o mandado de prisão por 'coação no curso do processo' e 'estupro de vulnerável' foi cumprido no dia 27 de março deste ano. Segundo a polícia, o homem foi preso graças à denúncia da própria mãe. No dia 11 de janeiro deste ano, mesmo sendo ameaçada de morte pelo próprio filho, a mãe foi até a delegacia de Arraial do Cabo e contou tudo o que estava acontecendo. 


O homem é suspeito de estuprar a irmã desde quando ela tinha oito anos de idade. Ainda segundo a polícia, atualmente a jovem tem 17 anos e continuava sendo estuprada. A mãe do suspeito procurou a delegacia e comunicou que o seu filho constantemente ameaçava toda a família, principalmente a irmã, dizendo: “Se ela não for minha, não será de mais ninguém”, relatou a mulher. Na delegacia, o jovem confessou as denúncias de ameaças e os estupros contra a irmã.
A delegada responsável pelo caso, Juliana Rattes, conseguiu mandado de prisão preventiva contra ele, expedido pela Vara Única de Arraial do Cabo. A polícia procurava o rapaz quando ele acabou sendo preso em flagrante por cometer um furto em um supermercado na cidade. Ele foi levado para um presídio no Rio de Janeiro. 

A Polícia Civil apura o envolvimento do acusado em outros casos de abusos sexuais contra mulheres da cidade, em que as vítimas não foram à delegacia para denunciar. Os policiais pedem que as vítimas procurem a delegacia para reconhecer o rapaz, ou então façam a denúncia pelo telefone 2622-4614. O anonimato é garantido.
0