12 mil pessoas passaram pelo Festival do Marisco em Cabo Frio. 1,8 toneladas da iguaria foram consumidas movimentando a economia e consolidando o evento na baixa temporada

A cidade de Cabo Frio viveu neste último final de semana prolongado – 1 a 4 de maio – o reconhecimento de um de seus principais eventos gastronômicos, o Festival de Marisco. 
Promovido pela Prefeitura, através da secretaria de Eventos e secretaria de Turismo, com total apoio da Comsercaf, o evento superou as expectativas tendo na Praça do Moinho, no Peró, um dos principais destinos turísticos da região, pelo menos 12 mil pessoas entre turistas e moradores de toda a Costa do Sol.
1,8 toneladas de mariscos limpos prepararam mais de 20 receitas servidas à base da iguaria. 12 barracas venderam nos quatro dias do evento, cerca de 10 mil pratos movimentando a economia local. Um verdadeiro sucesso de público e de animação.

A turismóloga da secretaria de Turismo de Cabo Frio, Luane Ferreira observou que o evento, que envolveu cerca de 180 pessoas do bairro Peró foi um sucesso.
- Os envolvidos já possuem expertise na produção dos pratos e obtiveram retorno expressivo no resultado. O evento está consolidado e possui ótima aceitação do público. Aliar a atividade pesqueira aos eventos turísticos da cidade desponta como fator gerador de desenvolvimento, destacou Luane.

Para Aldenir Soares, um dos superintendentes da secretaria de Turismo, “a corajosa e sabia decisão do prefeito Alair Corrêa em custear o evento, foi decisiva para todo esse êxito”.
- A visão moderna do nosso prefeito em fazer turismo passa pela estruturação adequada do atrativo, a qualificação dos atores e a divulgação competente do produto. Assim, unidas por um objetivo comum de realizar mais uma edição do Festival de Mariscos de Cabo Frio, as secretarias de Eventos, Turismo, Comunicação e a Comsercaf produziram a melhor edição desde sua criação, resultando em momentos de extremo lazer para os turistas e moradores, além do incremento econômico da comunidade, comemorou o superintendente, lembrando que o apoio da Via Lagos e da Marbella foi fundamental para o êxito do evento.
O artesanato de Cabo Frio também foi sucesso no Festival de Marisco.  Os artesãos trabalharam em 14 barracas, expondo e comercializando seus produtos.

Segundo a coordenadora do Artesanato da secretaria de Turismo, Vânia Carvalho, a feira de artesanato do Festival, apresentou os maravilhosos trabalhos da Casa Artesanal. 
- Das 14 barracas disponibilizadas pela prefeitura, metade tinham artesãos que nunca tiveram experimentado a oportunidade de trabalhar em eventos da cidade.
As vendas superaram as expectativas e o público compareceu em massa, consolidando assim a ideia de que quando apresentamos uma feira organizada e genuinamente de artesanato, os turistas prestigiam e agradecem, comemora Vânia.
O total de vendas nesses quatro dias de festival superou a casa dos 10 mil reais, o que agradou muito a esses menos experientes artesãos que pela primeira vez se viram trabalhando em um evento tão grandioso.
- O Festival do Marisco sempre trouxe um público diferenciado e isso para o artesanato é muito bom, pois são pessoas que valorizam esse tipo de trabalho e levam para suas casas lembranças confeccionadas por nossos artistas, originais e criativas, completou a coordenadora do Artesanato.

Outro sucesso do evento foram os shows de Rock e MPB das bandas contratadas para a programação musical: Banda In Pulse, Banda Ozires, Banda Faixa Etária, Banda Contrate e Jero e Banda.
- A qualidade e a diversidade das opções gastronômicas e a seleção criteriosa das opções musicais marcaram o sucesso do Festival do Marisco, que já se consagrou como um grande evento da gastronomia fluminense. Foi possível observar muitos turistas que vieram de longe e todos elogiaram a organização do evento e aqueles que não conheciam o Peró ficaram encantados com a beleza natural do bairro, disse o chefe de reportagem do Jornal O Globo, Paulo Roberto Araújo.
O secretário de Eventos, Edson Leonardes destacou que “a programação musical foi elaborada pensando na cultura e estilo do bairro, nos frequentadores do evento e, atendendo os pedidos dos responsáveis das barracas de gastronomia”.
- Desta forma não tinha como dar errado e as bandas interagiram com o público, proporcionando momentos de emoção, empolgação e alegria aos presentes, comemorou o secretário. 
Genilson Araújo, repórter aéreo das Rádios Globo, CBN e Beat 98 que recebeu uma peça do artesão da Casa Artesanal, Orlando Belloti, disse que “foi um festival bonito, que chamou a atenção pela organização, criatividade dos chefs informais, variedades de pratos e preços acessíveis.
- Também me chamou a atenção o caráter familiar da festa. Depois do marisco, o ponto alto foi o show da banda Faixa Etária, muito elogiado por todos.  Achei muito interessante a prefeitura promover este evento fora da alta temporada para estimular a economia local. Eu, minha mulher e meus amigos nos divertimos muito e queremos voltar no ano que vem, profetiza Genilson Araújo.
 Fotos: Ari Santos
Texto: Telma Flora – Assessora de Imprensa
Secretaria de Turismo de Cabo Frio
0