Frase do dia

“O amor é tudo”
(Jesus Cristo)







quarta-feira, 11 de junho de 2014

Aeroviários do Rio anunciam greve de 24 horas a partir de meia-noite. 70% dos trabalhadores que operam em terra, como mecânicos e responsáveis pelo check-in vão aderir à paralisação

O Dia
Rio - Os aeroviários do Rio, fazem a partir do primeiro minuto desta quinta-feira paralisação de 24 horas nos aeroportos Antônio Carlos Jobim (Galeão), Santos Dumont e Jacarepaguá. Segundo o Sindicato Municipal dos Aeroviários do Rio (Simarj), os funcionários querem melhores condições de trabalho e a assinatura da convenção coletiva. No entanto, o sindicato informou que 80% dos funcionários que atuam no chão auxiliando as manobras das aeronaves vão trabalhar em cumprimento à decisão do Tribunal Regional do Trabalho (TRT/RJ). A Justiça determinou multa de R$50 mil para sindicato em caso de desobediência.


A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) informou, por meio de nota, que as empresas aéreas possuem planos de emergência para a Copa do Mundo nos aeroportos.
Audiência de conciliação na Seção Especializada em Dissídios Coletivos do TRT acabou sem acordo entre trabalhadores e o Sindicato Nacional das Empresas Prestadoras de Serviços Auxiliares de Transporte Aéreo (Sineata). Nova reunião foi marcada para segunda-feira, às 15h10.
Entre as reivindicações do Simarj estão a manutenção da data-base em 1º de dezembro; carga horária de seis horas por dia; abono em razão da Copa; reajuste do teto da cesta-básica; e observância de regras de segurança de voo.
Postar um comentário