Frase do dia

“O amor é tudo”
(Jesus Cristo)







segunda-feira, 2 de junho de 2014

Cabofriense se reapresenta sem grandes novidades para a Série D. Ao todo, 13 jogadores que disputaram o Campeonato Carioca compareceram ao clube. Entre os remanescentes estão o meia Têti e o volante Silvano, xodós da torcida

Por Rio de Janeiro
Visando os preparativos para a disputa da Série D do Brasileirão, a base do elenco que irá defender a Cabofriense na competição nacional se reapresentou na tarde desta segunda-feira, na sede do clube, no Correão, em Cabo Frio. Entre os jogadores estiveram presentes alguns xodós da torcida, como o meia Têti, o volante Silvano e o zagueiro Arthur Sanches, que está recuperado de uma cirurgia no joelho. Em contrapartida, o atacante Fabrício Carvalho, grande nome do time no Campeonato Carioca, segue com o futuro indefinido e não retornou.
Cabofriense reapresentação (Foto: Andreia Maciel)Cabofriense se reapresentou nesta segunda-feira (Foto: Andreia Maciel)

Ao todo, 13 jogadores compareceram ao clube e fizeram atividades físicas no campo. Cetin, Jefferson, Washington, Leandrão, Victor Silva, Arthur Sanches, Filipe Sousa, Jardel, Silvano, Pará, Têti, Artur e Eberson já estão à disposição do treinador Alexandre Barroso. A equipe ainda aguarda a chegada do zagueiro Luisão, do lateral Leandrão e o do meia Kaká Mendes.


Quem também não se apresentou ao clube foram os volantes Daniel Tijolo e Carlinhos e o atacante Bruno Veiga, que acertaram com outros times depois que o Carioca chegou ao fim e não vestem mais a camisa da Cabofriense. A diretoria agora analisa o mercado para buscar peças de reposição. O clube pretende anunciar um volante, dois meias, um lateral esquerdo e principalmente novos atacantes nos próximos dias.
No Grupo A7 da Série D do Brasileirão, a Cabofriense terá pela frente na primeira fase da competição o Maringá, Brasil de Pelotas, Ituano - atual campeão paulista - e Guarani de Palhoça, primeiro adversário do time no campeonato, que começa no dia 20 de julho. Somente nos confrontos inicias, o Tricolor Praiano irá percorrer mais de 10 mil quilômetros.
Postar um comentário