Frase do dia

“O amor é tudo”
(Jesus Cristo)







quarta-feira, 23 de julho de 2014

Com autoridade, ADDP Cabo Frio vence Copagril pela Liga Futsal. Em um jogo de final eletrizante, time cabofriense joga bem, vence os campeões paranaenses por 2 a 1 e sobe seis posições na tabela


Exibindo ADDP CaboFrio 2 x 0 Copagril - Crédito - LÉO BORGES (1).jpg

Em sua melhor atuação da temporada, a ADDP Cabo Frio conseguiu sua primeira vitória na Liga Futsal 2014. Diante de um público estimado em 1.200 torcedores, o campeão carioca venceu a Copagril/SempreVida/MCR por 2 a 1, em jogo disputado na noite desta terça-feira (22), no ginásio Alfredo Barreto, em Cabo Frio (RJ). Além de tirar a liderança do adversário – único clube que havia conquistado duas vitórias nos dois primeiros jogos da competição – a ADDP Cabo Frio subiu seis posições na tabela de classificação com o triunfo.

O jogo
A ADDP Cabo Frio com uma proposta bem definida para tentar neutralizar o campeão paranaense: marcação forte na meia quadra, com intensidade, para obter contra-ataques e muita movimentação com a posse da bola. A Copagril/SempreVida/MCR tinha o estilo de seu treinador, PC de Oliveira, com movimentação e um apoio constante de um jogador pelo meio da quadra.



Nos primeiros 10 minutos, poucas chances de lado a lado, com os goleiros André (ADDP Cabo Frio) e Quinzinho (Copagril/SempreVida/MCR) aparecendo pouco. Mas gradativamente, a ADDP Cabo Frio ia ganhando espaço e se impondo fisicamente na partida, como exigia a todo instante o técnico Cupim. Em vários momentos, a marcação da equipe cabofriense subia, colocando o adversário em perigo.

O primeiro gol saiu em um desses lances. A defesa da equipe paranaense acabou pressionada e a bola sobrou limpa para Arthur finalizar com precisão e força de dentro da área, sem chance alguma para Quinzinho. Eram 11’44 de jogo e a ADDP Cabo Frio já era melhor na partida.

O segundo gol saiu em uma jogada iniciada por Lucas Tardelli, que partiu como gosta pela ala direita, passou pelo seu marcador e rolou para Wilson, que preferiu passar para Wellington ao invés de finalizar. A escolha foi acertada: o camisa 14 encheu o pé e a bola, rasteira, foi parar dentro do gol, aos 17’35. 2 a 0 para os donos da casa, para delírio da torcida.

O jogo permaneceu inalterado até o intervalo. Na volta para a segunda etapa, a equipe da Copagril/SempreVida/MCR partiu para o abafa logo de início, fazendo o goleiro André a trabalhar em três lances sucessivos. Logo em seguida, aos 23’25, o técnico PC de Oliveira acabou expulso da partida por reclamação contra a arbitragem. Os ânimos se acirraram um pouco mais, principalmente depois da expulsão de Léo Costa, por acúmulo de cartões, aos 27’05. A ADDP Cabo Frio ficou com um jogador a menos por dois minutos, mas só criou uma chance real de gol nesse período, com Quinzinho defendendo um chute de Fabrício.

Com 10 minutos para o final, a equipe paranaense veio para a estratégia do goleiro-linha, com o ala Arthur. A partir daí, o jogo tomou um ritmo incessante até o final, com a Copagril/SempreVida/MCR tentando se aproveitar da vantagem numérica de um jogador a mais para buscar o empate e até a virada; e com a ADDP Cabo Frio se defendendo e buscando interceptar um ataque para ampliar a vantagem.

A Copagril acabou descontando com Daniel, aos 33’, em uma bola parcialmente defendida por André. O pivô estava sozinho debaixo da baliza e não teve dificuldades para marcar.

Final eletrizante
A ADDP Cabo Frio interceptou alguns ataques, mas não conseguiu finalizar com êxito de longa distância. A pressão adversária aumentava, e no minuto final, foram três chances claras de gol: a primeira, com Fabrício chutando prensado da entrada da área. A bola cobriu o goleiro-linha Arthur, que se esticou todo para correr para dentro da meta e evitar o que seria o terceiro gol cabofriense.

Faltando 24 segundos, o lance mais impressionante do jogo: em um ataque paranaense, a bola sobrou para o ala Alvim, dentro da área, a centímetros do gol, sem marcação. O jogador bateu na bola, que se chocou com a trave, correu próxima à linha de gol, resvalou na outra trave e foi tirada da área por Alfredo. O lance foi comemorado pela torcida como um gol da ADDP Cabo Frio.

O último lance de perigo foi da ADDP Cabo Frio, em um tiro livre sem barreira. Porém, Bruno Ciro não cobrou bem e a bola saiu a direita de Quinzinho. No final, vitória confirmada por 2 a 1, e a certeza de que o time está no caminho certo.

– O grupo está de parabéns pela vitória. Eles mostraram que já entenderam o que é jogar uma Liga Nacional. Com intensidade e competitividade o jogo inteiro, superamos uma forte equipe como a da Copagril – analisou o técnico Cupim ao final da partida.

Com a vitória, a ADDP Cabo Frio terminou a terceira rodada na nona colocação, com 4 pontos ganhos, atrás do Carlos Barbosa pelos critérios de desempate. A Copagril/SempreVida/MCR caiu da liderança para a quinta posição, permanecendo com 6 pontos.

A ADDP Cabo Frio fará, agora, duas partidas fora de casa: sábado (26), diante do Jaraguá Futsal, em Jaraguá do Sul (SC); e segunda-feira (28), diante da Krona Futsal, em Joinville. O time só volta a atuar diante da sua torcida no próximo dia 5 de agosto, uma terça-feira, quando recebe o Poker Guarapuava CAD (PR), às 20h.

Ficha Técnica
ADDP Cabo Frio: André, Wellington, Regufe, Fabrício e Wilson. Entraram: Alfredo, Bruno Ciro, Igor, Lucas Tardelli e Arthur. Técnico: Cupim
Copagril/Sempre Vida/MCR: Quinzinho, Arthur, Rafinha Muller, Alvim e Daniel. Entraram: Pescoço, Marcelo Paulista, Marcio, Massarico e Léo Costa. Técnico: PC de Oliveira
Arbitragem: Carlos Eduardo Meirelles e Jefferson da Silva, com Harry Lemgruber (anotador) e Jorge Luiz de Souza (cronometrista)
Cartões amarelos: Arthur e Wilson (ADDP Cabo Frio); Léo Costa, Daniel, Quinzinho e Arthur (Copagril/Sempre Vida/MCR)
Cartão vermelho: Léo Costa

Para a disputa da Liga Futsal, a ADDP Cabo Frio conta com o patrocínio principal da Prefeitura de Cabo Frio e da Ollé Sports, o apoio logístico da Secretaria Municipal de Esporte e Lazer; e os patrocínios da Branca Confeitaria, da COTREL, da Academia Body Club Fitness, das Fraldas Looping, do Caribe Park Hotel, do Laboratório Teuto e da Drogaria do Povo.

Texto: Anderson Lopes e Léo Borges | Assessoria de Imprensa da ADDP Cabo Frio
Fotos: Léo Borges
Postar um comentário