Frase do dia

“O amor é tudo”
(Jesus Cristo)







sábado, 19 de julho de 2014

Demolição de mansões em risco afeta mais 3 imóveis em Búzios. Justiça precisa autorizar a destruição de imóveis que ficam no pé do morro. Trabalho terá que começar pela parte de baixo por questão de segurança.

Do G1 Região dos Lagos
Técnicos da Defesa Civil analisam a estrutura das construções (Foto: Reprodução / Inter TV)Técnicos da Defesa Civil analisam a estrutura das construções (Foto: Reprodução / Inter TV)
A demolição de três mansões que correm risco de desabar em Armação dos Búzios, na Região dos Lagos do Rio, vai afetar outros três imóveis que ficam no pé do morro. Segundo a Defesa Civil, não há possibilidade de demolir apenas as mansões, já que o trabalho não pode ser feito pela parte de cima do terreno, que está bastante comprometido pelas rachaduras.


Na tarde de sexta-feira (18), a Defesa Civil vai pedir uma autorização à Justiça para que o trabalho comece ainda nesta sexta, com a demolição, a princípio, de apenas um dos três imóveis que ficam na base do terreno. As construções estão localizadas na Orla Bardot, um importante ponto turístico de Búzios.
Muro está inclinado e com rachaduras, o que torna a demolição eminente (Foto: Reprodução / Inter TV)Parte do muro caiu e ele está inclinado e com
rachaduras (Foto: Reprodução / Inter TV)
Na manhã desta sexta-feira, um muro que divide os terrenos, tornou iminente a possibilidade de desabamento das mansões que estão interditadas por risco de deslizarem. A parede caiu no momento em que técnicos da Defesa Civil, do Inea (Instituto Estadual do Ambiente) e do Crea-RJ (Conselho Regional de Engenharia e Arquitetura) avaliavam as condições do terreno para que as casas possam ser demolidas. Houve correria no local.
A demolição das três casas estava programada para quinta-feira (17), mas foi adiada para que o terreno tivesse o preparo adequado. A preocupação é que o terreno está fragilizado e precisará receber máquinas pesadas para a realização do serviço. Por causa do deslizamento, surgiu um buraco entre os terrenos. No domingo (13) ele já tinha 1,5m de largura.
As casas, avaliadas por corretores da cidade em cerca de R$ 3 milhões cada uma, ficam no condomínio Vale das Emas, em um morro de frente para a Praia da Armação. O deslizamento pode chegar à Orla Bardot.
Além das três casas, dez estabelecimentos, que podem ser atingidos em caso de desabamento, também foram interditados. Entre eles está a pousada Baía Bonita, que precisou dispensar oito hóspedes na noite de terça-feira (15). Os hóspedes precisaram buscar estadia em outras pousadas da cidade.
buzios  (Foto: Zilma Cabral/Folha de Búzios)Nove estabelecimentos que podem ser atingidos foram
interditados (Foto: Zilma Cabral/Folha de Búzios)
Buzios  (Foto: Zilma Cabral/Folha de Búzios)Buraco no terreno onde ficam as casas já ultrapassa um metro de largura (Foto: Zilma Cabral/Folha de Búzios)
Postar um comentário