Procon Cabo Frio denuncia Prolagos no Ministério Público por falta de abastecimento de água na cidade

Órgão recebeu diversas denúncias de moradores de toda cidade e em número maior do Jardim Esperança e de Tamoios

O Procon Cabo Frio protocolou uma denúncia ao Ministério Público contra a Prolagos, concessionária responsável pelo abastecimento de água e tratamento de esgoto na Região dos Lagos. O motivo da denúncia é a falta de abastecimento de água em alguns bairros da cidade.

Segundo relatos, os pontos mais críticos são Peró, Grande Jardim Esperança e Tamoios. O Procon tem recebido diversas denúncias de moradores dessas localidades sobre a falta de água nas torneiras. A Prolagos justifica a falta de água devido ao aumento excessivo do número de pessoas na região, segundo eles, nesse réveillon a região recebeu mais pessoas do que no réveillon passado.
Diante dessas e outras denúncias, o MP convocou uma reunião com os representantes da Prolagos, os representantes do Procon Cabo Frio e Arraial do Cabo, além de representantes do Poder Legislativo, para juntos, buscarem uma solução quanto ao problema de falta de abastecimento de água.

O Procon Cabo Frio solicitou e ficou acordado que será realizada uma força tarefa no distrito de Tamoios, na qual dois advogados do órgão e agentes da Prolagos serão encaminhados para o distrito, para atender a população com caminhões pipa. Quem estiver sem água, pode procurar as equipes. Será montada uma base no segundo distrito especialmente para essa força tarefa, com data e local ainda a serem definidos. A atividade contará com auxílio da subprefeitura de Tamoios.

Para a diretora do Procon de Cabo Frio, Monica Bonioli, a medida não vai resolver o problema totalmente, mas é um alento, e mostra o poder de atuação do Procon:

“Claro que queríamos que o abastecimento fosse normalizado, mas diante da impossibilidade da Prolagos, essa foi a solução encontrada. Essa semana ainda estaremos em Tamoios com uma força-tarefa para atender os cidadãos que estão sendo prejudicados com prestação do serviço da Prolagos, disponibilizando caminhões pipa para quem solicitar. O Procon vai continuar defendendo os interesses do consumidor”, destaca ela.

Comentários